quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Projeto Aluno Cidadão

O Projeto Aluno Cidadão capacita professores e alunos de escolas públicas no uso da tecnologia
Por Daniel Blake\-\www.inclusaobrasil.com.br

O Projeto Aluno Cidadão capacita professores e alunos de escolas públicas no uso da tecnologia, oferecendo oportunidades de inclusão sócio-digital e promoção da cidadania.
Estimula os participantes a dar apoio em atividades realizadas nos laboratórios de informática de suas escolas, atuando como multiplicadores desses conteúdos e se tornando "Agentes da Cidadania".


A capacitação dos alunos e professores é feita em duas etapas:

1ª etapa: Curso Microsoft Aluno Monitor - é composto por um conteúdo de formação técnica em informática desenvolvido pela Microsoft em parceria com a UNESP de Bauru. Ele é dividido em seis fases onde os participantes aprendem os conhecimentos básicos para dar suporte a possíveis situações problema que possam acontecer dentro de um laboratório de informática e também dar apoio aprofessores e alunos no uso da tecnologia.

2ª etapa: Oficinas de Educação pela Comunicação - se na primeira etapa do programa os participantes aprendem individualmente, nessa etapa a idéia muda de cara e passa a trabalhar de forma coletiva com práticas mais humanizadas.

Eles participam de oficinas que tem como intuito a utilização de novas estratégias de aprendizagem para produção de elementos de comunicação com apoio de novas tecnologias.

Durante as oficinas, os participantes aprendem a trabalhar com blogs, construção de páginas na web, rádio, vídeo e fotografia digital.


Atuação

O Instituto Crescer em parceria com a Bandeirante Energia, principal financiadora do projeto, fez uma primeira experiência a partir de 2007 e capacitou apenas professores de escolas públicas dos municípios paulistas de Aparecida, Cachoeira Paulista, Cruzeiro, Jacareí, Roseira, Santa Branca e São Sebastião, todos na área de concessão da empresa.

Já em 2008, o programa se estendeu para os municípios de Itaquaquecetuba, Suzano, Poá, Ferraz de Vasconcelos e Potim.

No mesmo ano, a Escelsa, distribuidora de energia que abrange o estado do Espírito Santo, ampliou a capacitação que era até então apenas para professores e passou a atender os alunos das redes públicas de ensino em 35 municípios do Estado.


INSTITUTO CRESCER


Fundado em outubro de 2000, o Instituto Crescer para a Cidadania tem como missão contribuir com as empresas para que estabeleçam novos padrões de relacionamento com os públicos impactados por suas atividades (stakeholders), por meio da implementação de projetos educacionais, socioambientais e sociodigitais que promovam o desenvolvimento humano.

Os projetos desenvolvidos pelo Instituto Crescer para a Cidadania adotam metodologia participativa, envolvendo os diferentes agentes que fazem parte do processo, em ações de reflexão, aprendizagem e planejamento das intervenções sociais.

Todos os projetos seguem um fluxo que leva a construção de sua tecnologia social. Ou seja, são planejados para sistematizar seus conceitos, diretrizes e práticas para que possam ser posteriormente implementados com outros públicos, permitindo que mais pessoas se beneficiem de suas ações.

Fonte: Instituto Crescer
Foto: Divulgação
http://www.institutocrescer.org.br

1 comentários:

 
Créditos Template http://cantinhodoblogger.blogspot.com/ By Cris Duarte/março de 2010