quinta-feira, 31 de março de 2011

Dia Nacional da Saúde e Nutrição!

Alimentação Saudável é a 
Base para se ter Mais Vida

A brusca mudança no padrão alimentar e a redução na prática de atividade física regular, aliados ao consumo de cigarro, álcool e também o estilo de vida cada vez mais estressante, próprios da época, têm contribuído para o surgimento de muitas doenças e queda da qualidade de vida, motivando assim campanhas, projetos e outras ações, dentre elas: a Estratégia Global para a Promoção da Saúde lançada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) no ano de 2004 e o dia Nacional da Saúde e Nutrição, celebrado no dia 31 de março.

Embora a promoção da alimentação saudável, tradicionalmente está ligada a um conceito de saúde, outros fatores como situação social, características culturais e regionais, além da falta de acesso a informação, ou mesmo, a confiança em informações falsas, têm contribuído para que a cada ano, o dia Nacional de Nutrição e Saúde seja celebrado como um dia festivo pelas grandes conquistas no campo da nutrição e da saúde, sem perder também o sentido de luta de todos pela redução do número de casos de doenças como: Obesidade, diabetes, osteoporose, doenças cardíacas e os vários tipos de câncer.

Sabemos que muitas das doenças dentre elas o câncer, podem ser evitadas, através de alguns simples modos mais saudáveis de viver, velhos conhecidos de todos, mas muitas das vezes esquecidos. A maneira mais fácil e barata de se obter a longevidade através da nutrição e saúde é seguir as seguintes dicas:

•Aleitamento materno exclusivo nos primeiro seis meses de vida.
•Evitar o consumo de alimentos ricos em calorias e industrializados, gordurosos e salgados.
•Aumentar o consumo de frutas, verduras e legumes, cereais integrais e feijões.
•Faça exercícios físicos regulares, diariamente ou pelo menos três vezes por semana, após consultar o seu médico.
• Reduza ou evite o consumo de bebidas alcoólicas e o uso do cigarro
• Faça exames preventivos e consulte sempre o seu médico.
• Beba cerca de 10 copos de água ao dia
• Durma pelo menos 08horas num período de 24 horas
• Importante também evitar as dietas da moda, conhecer melhor seus fundamentos, métodos e consequência para a saúde.

Os alimentos servem para saciar a fome e ser combustível para todas as atividades do corpo humano, tais como piscar os olhos, levantar um braço, caminhar, correr ou jogar bola. Precisamos de energia, proveniente dos alimentos que comemos todos os dias. Também serve para demonstrar carinho, afeto e aceitação, por exemplo, quando a mãe amamenta o bebê, ou um almoço onde todos se reúnem em torno de uma mesa, é uma demonstração de carinho, de afeto. Ou seja, o alimento está intimamente ligado com o nosso bem estar físico, social e mental, definido segundo a OMS – Organização Mundial da Saúde.

Consciente da importância da nutrição no processo de saúde, a ONG Mais Vida-Centro de Apoio aos Portadores de Câncer, que oferece apoio nutricional, psicológico, emocional e social as pessoas em tratamento do câncer, seus cuidadores e familiares, aproveita essa data, para promover a conscientização de toda a sociedade sobre a importância da alimentação e seu papel na prevenção dos vários tipos de câncer, disponibilizando assim, não somente atendimento nutricional para seus assistidos, como também toda sua equipe multidisciplinar, para a realização de palestras, campanhas, projetos e outras ações de educação em saúde.

Para saber mais sobre o projeto de educação em saúde e demais atividades desenvolvidas pela instituição, ou ainda para saber como colaborar com o trabalho da entidade, acesse o nosso site www.maisvida.org, solicite informações com um de nossos colaboradores pelos telefones: (11) 4034 0309 e 2277 0309, ou mesmo faça-nos uma visita em nossa sede social, localizada na Travessa Imprensa, 26, centro de Bragança Paulista.



Comente aqui...

quarta-feira, 30 de março de 2011

Ninguém escapa da velhice...

... mas a longevidade pode ser atingida 
de forma digna
A artista plástica Maria Helena Andrés, de 88 anos, diz que seu deus interior é a pintura, momento em que ela medita e aprecia a natureza da sua janela, no Retiro das Pedras
Guardem bem estes nomes: Carolina Maranhão, de 98 anos, e a um mês de completar 99; Laura Andrés Ribeiro Caram, de 91, e Maria Helena Andrés, de 88. Elas vão ensinar como chegar à longevidade suavemente, sem ficar pensando na morte o tempo inteiro, sem reclamar das dores, sem se assustar com as mudanças no corpo e no espírito. 

Elas vão mostrar que, na última etapa do crescimento humano, têm a oportunidade única de mergulhar nas profundezas do ser.

Como anunciou o teólogo Leonardo Boff, quando completou 70 anos, em seu artigo Oficialmente velho: “A velhice é a última chance que a vida nos oferece para acabar de crescer, madurar e finalmente terminar de nascer. Nesse contexto, é iluminadora a palavra de São Paulo. 

Na medida em que definha o homem exterior, nesta mesma medida rejuvenesce o homem interior. A velhice é uma exigência do homem interior. O que é o homem interior? É o nosso eu profundo, o nosso modo singular de ser e de agir, a nossa marca registrada, a nossa identidade mais radical. Esta identidade devemos encará-la face a face”.

Para conhecer Carolina, Laura e Maria Helena Andrés, só marque a hora, porque quem conta o tempo são elas. O relógio das horas não interessa mais. 

Na casa de Carolina, é preciso ficar algum tempo na varanda do 7º andar do prédio onde mora, no alto da Avenida Afonso Pena. Junto com ela, a convidada vai chegar à janela enorme e admirar o que ela chama de “meu quintal particular”, árvores enormes que formam uma pequena floresta diante do olhos. “Veja a dança das árvores, elas dançam e conversam”, proclama a senhora que está quase chegando aos 100 anos, quando vê o vento balançando os galhos e as folhas das árvores.

Não se apressem, porque Carolina tem muito a conversar e a mostrar, desde a biblioteca com livros em português, francês e inglês até o computador estrategicamente colocado no seu quarto, ao lado das linhas de crochê e da manta que está tecendo para o batizado do bisneto. 

A convidada precisa ter tempo para a geleia de jabuticabas que ela acabou de preparar com torradas e café. Precisa percorrer as fotos de sua galeria particular com a família já criada e ouvi-la declarar: “Posso ficar sem comer, mas não fico sem ler”.

Pessoas como Carolina, Laura e Maria Helena poderiam muito bem estar na dissertação de mestrado da professora de psicologia da PUC Minas Anna Cristina Pegoraro de Freitas sobre Espiritualidade e sentido de vida na velhice tardia.

As três provam que a espiritualidade dá sentido à vida, principalmente na idade avançada. Uma espiritualidade exercida a cada amanhecer, quando os olhos se abrem e elas percebem que estão vivas e que tudo vale a pena. 

Desde o horizonte escancarado na janela da casa da artista plástica Maria Helena Andrés, no Retiro das Pedras, até o momento em que ela espalha as cores pelas telas para pintar mais um quadro. “Este é o meu jeito de meditar. É o meu deus interior”, garante ela, que é vegetariana, morou na Índia, tem um blog, uma espécie de diário de suas viagens externas e internas.

Em sua dissertação de mestrado, Cristina fala também da feminização da velhice. “São mais mulheres do que homens que chegam à idade avançada.” Na contagem feita em 2007 pelo IBGE em 5.435 municípios brasileiros, o número de idosos com mais de 100 anos era de 11.422, dos quais 7.950 eram mulheres e 3.473 homens. Prova disso é que Carolina, Laura e Maria Helena Andrés são viúvas.

Anna Cristina mostra que “estamos envelhecendo e atingindo a longevidade, mesmo que muitos não acreditem nessa realidade. É só prestar atenção nos dados: O Brasil está em franco envelhecimento populacional. Segundo o IBGE, em 2008 eram 30 velhos para cada 100 crianças. 

A projeção para 2050 é de 172 velhos para 100 crianças”. Quem sabe depois de ler essa reportagem, a gente aprenda que envelhecer não é um desastre, mas um processo natural da vida. E só não envelhece quem morre antes. Com Carolina, Laura e Maria Helena é preciso aprender que, quanto mais o corpo envelhece, mais o espírito se fortalece.

Publicação: 27/03/2011 11:37 Atualização: 27/03/2011 11:40


Comente aqui...

terça-feira, 29 de março de 2011

Liberdade e responsabilidade


Tudo na criação está em permanente processo de transformação e aprimoramento.

Assim também ocorre com os homens. Em sua condição de espíritos, trilham marcha ascendente rumo à angelitude.

Foram criados em estado de absoluta simplicidade e ignorância, Mas possuem, desde o princípio, os embriões de todas as virtudes.

Nas primeiras experiências foram conduzidos grandemente pelos instintos. Gradualmente tomaram ciência de seu potencial e passaram a fazer opções. Titubeantes no princípio desenvolveram a consciência de si próprios e da sua vontade.

Um elemento primordial do progresso consciente é o livre-arbítrio.

As espécies animais e vegetais são conduzidas pelas forças da natureza, em suas etapas de elaboração. Já os homens podem escolher os caminhos que trilham.

O progresso espiritual pressupõe o desenvolvimento da faculdade de discernir o bem e o mal. Para a aquisição desse senso moral, para crescer em entendimento e compreensão, é imprescindível a liberdade de opção. 

Quanto mais o espírito burila seu intelecto e exerce sua vontade, mais liberdade tem. Seu leque de opções aumenta. Mas não é somente a liberdade que ganha expressão.

Com o conhecimento e o lento evoluir do ser, ele se torna mais responsável pelo que faz. 

Quando o instinto predomina, a responsabilidade é ínfima. Quando a vontade e a consciência regem o destino, torna-se inarredável a responsabilidade.

O homem é intrinsecamente livre em seus atos e pensamentos, mas responde por tudo o que faz e pensa.

As leis humanas são frequentemente burladas e enganadas, contudo, nos estatutos divinos não há qualquer falha.

Sendo as leis divinas inscritas na consciência de cada homem, elas jamais são burladas. 

Ninguém escapará de si próprio.

Cada qual é livre para pensar, falar e agir. Mas essa liberdade sempre deve respeitar os direitos do próximo.

A movimentação do livre-arbítrio jamais deve causar sofrimento e coerção para outrem.

Quem se permite infelicitar o semelhante, infelicita-se a si próprio.

O desrespeito à dignidade e à felicidade alheia aprisiona o seu autor.

O homem que provoca sofrimento prepara para si um cárcere de sombra e desgraças. 

Talvez ele engane a justiça humana. Quiçá logre anestesiar a própria consciência por um tempo. Mas cedo ou tarde, nesta encarnação ou em outra, despertará para a realidade. Sua consciência o chamará a prestar contas de seus atos.

Então, a dor infligida ressurgirá no íntimo do ser. Entre inibições e complexos, lutas e sofrimentos, ele se acertará com as leis divinas.

Reflita na responsabilidade que você possui, em sua condição de homem livre. Você pode muito. Pode escolher ser honesto ou desonesto, misericordioso ou cruel, leal ou traiçoeiro, útil ou inútil. Mas responderá por seus atos. Não se trata de pecado e castigo, mas de responsabilidade.
Pense nisso!

Texto da Equipe de Redação do Momento Espírita.
Comente aqui...

domingo, 27 de março de 2011

A ameaça da pornografia para as crianças

A ameaça da pornografia para as crianças - 
Um novo estudo que exige ações
P. John Flynn, L.C.
Proteger as crianças da exploração sexual é hoje prioridade para muitos governos e organizações privadas. Apesar disso, um estudo relativamente recente (2009) denuncia que não se está fazendo o suficiente para tratar a ameaça que a pornografia dos adultos representa para as crianças.

"Morality in Media", uma organização sem fins lucrativos com sede em Nova York, publicou em setembro de 2009 um estudo intitulado: "How Adult Pornography Contributes To Sexual Exploitation of Children" (Como a pornografia adulta contribui para a exploração sexual das crianças).

Ali se sustenta que os organismos dos governos e as organizações privadas estão ignorando as consequências do que qualificam de “exploração” da pornografia adulta na internet e em outros lugares.

A pornografia adulta é uma ameaça para as crianças de diferentes formas, afirma o informe:

–Os delinquentes utilizam pornografia adulta para preparar suas vítimas.
–Para muitos delinquentes, há uma progressão desde ver pornografia adulta até ver pornografia infantil.
–Os homens atuam com as crianças prostituídas como veem na pornografia adulta, e os aliciadores usam pornografia adulta para instruir as crianças prostituídas.
–As crianças imitam com outras crianças o comportamento que veem na pornografia adulta.
–O vício à pornografia de adultos destrói casamentos, e os filhos nos lares com um só progenitor correm mais risco de sofrer exploração sexual.

Preparação

O autor do informe, Robert Peters, presidente de "Morality in Media", explica que há duas décadas, em sua pesquisa sobre casos judiciais, esbarrou com múltiplos exemplos de situações que implicam exploração sexual de crianças em que o acusado adulto havia mostrado ou dado pornografia de adultos à vítima menor como parte do processo de preparação.

Muitos debates têm-se centrado no tema de se a pornografia de adultos causa crimes sexuais, observa. Ainda que este assunto da causa direta ainda esteja em debate, Peters comenta que, segundo sua experiência, a utilização de pornografia de adultos por parte de depravadores para despertar e desensibilizar suas vítimas menores é de verdade uma forma como a pornografia de adultos contribui para causar dano.

Isso é mais que uma simples opinião pessoal. Um dos apêndices do informe contém mais de 100 páginas de recortes de notícias e casos judiciais que fazem referência a como os delinquentes mostraram ou deram pornografia a uma criança ou a forçaram a olhá-la.

O informe continua explicando que as pessoas que são viciadas em pornografia requerem classes mais explícitas e anômalas de material sexual conforme avança o tempo, de forma parecida a quem sofre de vício de drogas. Assim, com o tempo, há uma necessidade crescente de mais estímulo para alcançar o mesmo efeito inicial.

Peters também observa que há uma tendência cada vez maior a reproduzir sexualmente os comportamentos vistos na pornografia. Desta forma, os consumidores de pornografia não são meros consumidores passivos, mas tendem a levar à prática os comportamentos que veem.

Ameaça da mídia

Quanto às crianças, o informe explica que se uma criança entrasse em uma livraria adulta, ser-lhe-ia solicitado que saísse, posto que vai contra a lei de vender pornografia às crianças no mundo real.

Pelo contrário, se essa mesma criança está a ponto de entrar na maioria das páginas web comerciais que distribuem pornografia adulta, é possível que veja pornografia adulta gratuitamente e sem restrições. Supostamente, quando se trata de internet, os tribunais pensam que a utilização por parte dos pais de filtros é uma solução adequada para o problema, comenta o informe.

Os pais têm um papel primordial na hora de proteger as crianças do conteúdo danoso da internet, admite Peters. No entanto, a maioria das crianças pode ter acesso à internet fora de casa ou por meio de dispositivos móveis. Tudo que se necessita é que uma criança em um grupo de amigos tenha acesso sem restrições à internet para que todos tenham acesso, destaca o informe.

Peters também afirmava que em seus muitos anos de experiência um número significativo de aliciadores utiliza a pornografia não apenas para despertar e instruir suas vítimas, mas também para exercitar a si mesmos.

Uma das conclusões do informe é o pedido de que as Igrejas e outras instituições religiosas façam mais frente ao problema da pornografia de adultos.

Também os meios de comunicação e de entretenimento poderiam ajudar a apresentar a produção e o consumo de pornografia adulta como um problema real, em vez de uma questão sem nenhuma significação moral ou social.

Vida familiar

A observação do informe de que a pornografia fere a vida familiar e as crianças não é uma opinião ilhada. Da Austrália, o Sydney Morning Herald, em um artigo de 5 de março, falava do cenário de um marido viciado no pornô. O “catastrófico desajuste emocional que sofre” por este vício é um fato comum.

No ano passado, o telefone da assessoria Mensline Australia teve crescimento de 34% no volume de chamadas de homens que sentiam que a pornografia era um problema em sua relação, comentava o artigo.

A possibilidade de aceder à pornografia através de computadores e telefones tirou, por assim dizer, a barreira de entrada, quer dizer, a vergonha de visitar um sex shop para comprar uma revista ou um vídeo.

O artigo observava que também é um problema grave para as mulheres. “Há uma boa proporção de mulheres que vê o uso do pornô por seu parceiro como uma infidelidade”, afirmava o sociólogo Michael Flood. "Inclusive quando ele é honesto sobre isso, algumas mulheres consideram o uso do pornô como uma espécie de adultério”.

O nexo entre a multimilionária indústria do pornô e o apetite sexual converteu-se em algo como a relação entre as refeições extragrandes e a obesidade, sustentava a feminista Naomi Wolf em um artigo publicado a 4 de abril no Times.

“A onipresença das imagens sexuais não libera o poder de Eros, mas o diluem”, afirmava.

Um artigo publicado no jornal canadense Ottawa Citizen a 29 de maio dava mais evidências sobre as implicações disso para as crianças. Richard Poulin, professor de sociologia na Universidade de Ottawa, participou de uma conferência em
Montreal intitulada: “Jovens, mídia e sexualidade”.

Ele observava que as agressões sexuais são cometidas agora por jovens. Ademais, uma pesquisa realizada entre estudantes da Universidade de Ottawa manifestou que a média de idade em que viram pela primeira vez pornografia era de 13 anos. 

Entre aqueles cujos pais tinham a pornografia em casa, a idade era menor, entre 10 e 11 anos.
Poulin também citava uma pesquisa que mostrava que um em cada cinco homens entre 22 e 23 anos admitia sentir-se atraído por meninas de 13 anos. “Esta não é uma tendência trivial”, indicava.

Ambiente sadio

O Papa Bento XVI abordou o tema da pornografia em seu discurso de 16 de abril de 2008 aos bispos norte-americanos, durante a visita aos EUA:

“As crianças têm direito a crescer com uma sadia compreensão da sexualidade e de seu justo papel nas relações humanas”, recomendava. “A elas se deveriam evitar as manifestações degradantes e a vulgar manipulação da sexualidade hoje tão preponderantes”.

As crianças têm o direito de ser educadas nos autênticos valores morais baseados na dignidade da pessoa humana, continuava o pontífice.

“Que significa falar da proteção das crianças quando em tantas casas se pode ver hoje pornografia e violência através dos meios de comunicação amplamente disponíveis?”, perguntava.

Ao tratar este problema, o Papa falava da necessidade urgente de determinar os valores que guiam a sociedade de hoje. Se de verdade quisermos cuidar dos jovens, todo tem de reconhecer nossa responsabilidade de promover e viver os valores morais autênticos, que permitam prosperar a todos, concluía.

Uma recordação oportuna do perigo de fechar os olhos ante um problema que se ignora com muita frequência.

Pornografia Infantil na Internet
Recomendamos
Fonte: ZENIT.org 27/10/2009
Publicado no Portal da Família em 18/01/2011

Comente aqui...

sábado, 26 de março de 2011

Idosos Superativos

Em vários artigos discorri sobre os benefícios da atividade para as pessoas que envelhecem: manter-se ativo é um importante diferencial para um processo de envelhecimento mais saudável. Quando falo em atividade, refiro-me ao termo de maneira abrangente, incluindo assim a atividade física, a atividade intelectual e cognitiva, a atividade do ponto de vista social.

Porém, há alguns dias recebi a indicação de um artigo que falava sobre os idosos superativos – pessoas maiores de sessenta anos que são ativas em excesso. Este é um fenômeno que há alguns anos vem acontecendo com as crianças: os pais acabam sobrecarregando-as de atividades extraescolares, o que acaba sendo cansativo e contraproducente.

Em relação aos idosos, isto não é diferente. Alguns idosos estão se excedendo no quesito atividade, o que pode deixá-los cansados, ansiosos e estressados frente a muitos compromissos, agenda cheia e pouco tempo livre para si mesmo.

Por isto, fica um alerta: assim como os pais precisam dosar as atividades das crianças, os idosos também necessitam tomar este cuidado. É comum, após a aposentadoria, surgir o receio de a saída do mercado de trabalho dar lugar a um sentimento de inutilidade e vazio. 

A saída dos filhos da casa dos pais pode desencadear o mesmo sentimento de vazio. Na tentativa de sentir-se útil frente a estas grandes mudanças no estilo de vida do idoso, é comum a busca incessante por atividades que preencham o tempo. 

No início esta postura costuma ser benéfica para o idoso, porém, após um tempo, a rotina começa a cansar.

Antes de ingressar num grande número de atividades, o idoso deve tomar alguns cuidados. 

O primeiro é escolher atividades que sejam de seu interesse, como, por exemplo, aquelas que o idoso almeja há mais tempo e não pode realizar anteriormente devido à sua antiga realidade de vida. 

O segundo cuidado é em relação aos horários. Não vale a pena preencher todo o tempo, como se fosse uma jornada de trabalho. O idoso deve ter tempo livre para ser desfrutado após a aposentadoria para o lazer e para a realização de tarefas como fazer compras, ir ao médico, tomar conta de um neto, viajar, dentre outras. É legal ter um dia útil para isso.

O terceiro cuidado é em relação à natureza das atividades. Se o idoso dispuser de condições para desempenhar mais de uma, procure diversificar em relação à sua natureza como, por exemplo, trabalho voluntário, aprendizagem (informática, línguas, educação formal), trabalhos manuais, atividade física, grupos religiosos, grupos de terceira idade, etc. Fazer mais de uma atividade parecida (como, por exemplo, fazer hidroginástica e caminhada) no mesmo dia pode trazer prejuízos ao idoso. 

O último cuidado é em relação à família. Normalmente cônjuges e filhos reclamam da repentina ausência do idoso em relação à família, por isso, é importante não comprometer o tempo reservado à família com as atividades.

De maneira geral, fica a recomendação: mantenha-se ativo, independente de sua faixa etária, porém, da mesma forma, não se sobrecarregue, reserve um tempo para o lazer!


Luciene C. Miranda
Psicóloga - lucienecm@yahoo.com.br

Comente aqui...

sexta-feira, 25 de março de 2011

A Hora do Planeta está chegando... Participe!!


 Milhões de pessoas estão prontas 
para desligar as luzes e ir além da hora
Dentro de algumas horas, um número recorde de pessoas em mais de 130 países ao redor do globo irá desligar as luzes durante uma hora, demonstrando apoio a ações por um futuro sustentável.

Centenas de monumentos, outras edificações e residências em milhares de cidades ficarão às escuras entre as 20h30min e 21h30min deste sábado (26) - hora local, quando milhões de pessoas se unirem a um dos maiores atos voluntários em prol do meio ambiente no globo.  Indivíduos, organizações e governos estão comprometidos em levar a ação além da hora, pois o compromisso não termina com o reacender das luzes.

"Ao entrarmos na quinta edição mundial da Hora do Planeta, com a participação de um número recorde de países e de territórios, é inspirador vermos o que se pode conseguir quando nos unimos em torno de um objetivo comum", afirmou Andy Ridley, co-fundador e diretor-executivo da Hora do Planeta. "Imagine o que poderemos obter se formos além da hora", ressaltou.

O evento irá percorrer o globo ao longo de 24 horas, desde o momento em que as primeiras luzes forem apagadas nas ilhas Fiji e na Nova Zelândia, até o reacender das luzes no arquipélago de Samoa. A trajetória mais longa será na Rússia, onde a 

Hora do Planeta atravessará 11 fusos horários.

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, também apoiará à Hora do Planeta. "Vamos celebrar juntos e buscar ações para proteger o planeta e assegurar o bem-estar da humanidade. Vamos usar esses 60 minutos de escuridão para ajudar o mundo a encontrar a luz", disse.

No sábado, monumentos e outros pontos de referência bem conhecidos no mundo ficarão às escuras em todo o mundo durante uma hora. Entre eles, a Torre Eiffel (Paris); a roda gigante London Eye e o relógio Big Ben (Londres); o edifício do Empire State (Nova Iorque); o prédio em formato de vela gigante do hotel Burj Al Arab (Dubai); o castelo da Alhambra (Granada/Espanha); a estátua do Cristo Redentor e os Arcos da Lapa(Rio de Janeiro); a Acrópole de Atenas (Grécia); o Portal da Índia (Nova Délhi); a Grande Mesquita do Sheik Zayed (Emirados Árabes Unidos); e o teatro da Ópera de Sydney (Austrália).

Quatro dos cinco edifícios mais altos do mundo também terão suas luzes apagadas. Só a Torre do Califa (Dubai) tem meio milhão de pontos de luz.

Durante a Hora do Planeta, também serão apagados os holofotes de monumentos naturais espetaculares, como as cataratas do Niágara (entre Canadá e Estados Unidos) e as cataratas de Vitória (entre Zâmbia e Zimbábue, na África), e a barragem de Itaipu (Brasil) assim como a Montanha da Mesa (Cidade do Cabo/África do Sul). 
Residências reais e presidenciais, castelos e palácios no Peru, Tailândia, Suécia, Madagascar e Honduras também terão suas luzes desligadas.  A maior unidade residencial africana, uma propriedade conhecida como Gwarimpa Housing Estate, em Lagos (Nigéria), também participará.

Este ano, o apoio ao evento cresceu na África, Oriente Médio, Ásia Central e nas Américas, onde um grande número de países aderiu pela primeira vez à Hora do Planeta. Entre eles estão a Jamaica, Uganda, Suazilândia, Irã, Tadjikistão, Chade, Azerbaijão, Palestina, Suriname, Gibraltar, Uzbequistão, Trinidad & Tobago, Lesoto e Líbano.

Mídias online irão, mais uma vez, desempenhar um papel fundamental na Hora do Planeta, unindo a comunidade global. O YouTube, por exemplo, exibirá uma página personalizada da Hora do Planeta, onde se poderá clicar em um interruptor e escurecer a página.

Além da Hora

Este ano, a Hora do Planeta pede aos indivíduos, empresas e governos para ir além da hora. Isso requer um comprometimento com uma ação duradoura que se estenda após o evento de desligamento das luzes. Para isso, foi criado um programa online em www.earthhour.org/beyondthehour, onde serão registradas e mostradas ações com as quais as pessoas e organizações de todo o mundo se comprometeram.

Em Uganda, vários indivíduos e organizações que prometeram ir além da hora vão plantar mais de 16 mil árvores.  Em Lumbini, no Nepal, será feito o plantio de 108 mil árvores.

Na China, todas as 83 cidades da parte continental do país que participam da Hora do Planeta prometeram ir "além da hora" e fazer "uma mudança" em prol do planeta.  A cidade de Xangai vai criar mil hectares de novos espaços urbanos verdes. Em Chengdu, o governo municipal distribuirá 60 mil bicicletas nas áreas centrais da cidade e criará mais de mil estações para aluguel de bicicletas.
 
 26 de março de 2011, de 20h30 as 21h30, apague as luzes para ver um mundo melhor.  Cadastre-se no hotsite Hora do Planeta 2011: www.horadoplaneta.org.br
Comente aqui...

quinta-feira, 24 de março de 2011

Educação Infantil e Avaliação

Há muitos anos, a educação infantil era tida como um espaço aonde a criança ia para brincar, se divertir, passar o tempo, ter oportunidade de conviver com crianças da mesma idade.

Porém, mais do que isso, a educação infantil conquistou seu espaço de valorização e respeito, podendo ser vista como construtora das primeiras aprendizagens sociais e intelectuais do sujeito, através das experiências em que este vive no espaço escolar.

Mesmo tendo conquistado seu espaço, podemos ver até hoje que a avaliação nesse contexto escolar não é tida com a seriedade que deveria.

Não podemos avaliar com tabelas prontas, que envolvem aspectos do cotidiano da criança, nem tampouco pelas produções e registros escritos, mas devemos avaliar continuamente, ou seja, numa avaliação que envolva o aluno como um todo e não fragmentado em partes.

Nessa perspectiva, os relatórios descritivos são a melhor forma de organizar dados referentes ao desenvolvimento das crianças nas creches e pré-escolas.

O professor consciente, preparado, não vê o relatório como um formato trabalhoso de avaliar, mas como um instrumento de suporte para a especificidade do exercício de sua profissão. É uma forma de se auto avaliar, refletir sobre as estratégias utilizadas, identificando com responsabilidade o que funciona e o que pode ser modificado.

Mas para que o relatório seja eficiente, é necessário dispor de tempo para fazer pequenas anotações diárias, sobre o comportamento, a participação, o envolvimento, o equilíbrio psicológico, dentre outros, de cada aluno durante as aulas.

O professor não precisa anotar tudo, pois assim teria muito trabalho, mas anotar as informações mais relevantes, atitudes da criança que mais chamaram a atenção naquele dia, em determinado momento. Ao final do bimestre terá juntado as mais preciosas informações sobre cada aluno, o que lhe trará a segurança para redigir os relatórios.

Através do relatório o professor demonstra o quão trabalhosa é a sua lida com as crianças, em razão dos detalhes que são citados no mesmo – no dia tal, a aluna ajudou o colega a vestir a blusa, já apresenta uma coordenação motora desenvolvida, pois conseguiu passar os fios do alinhavo corretamente.

Com isso, os pais vão tendo noção das atividades desenvolvidas, bem como percebendo a importância de cada uma delas para o desenvolvimento da criança, seja motor, cognitivo, afetivo ou social.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola
Comente aqui...

quarta-feira, 23 de março de 2011

Boas Dicas...

 

1.  Caminhe de 10 a 30 minutos todos os dias e sorria enquanto caminha.

2. Ore na intimidade com Deus pelo menos 10 minutos por dia, em segredo, se for necessário.

3. Escute boa música todos os dias. A música é um autêntico alimento para o espírito.

4.  Ao se levantar de manhã, fale "Deus, meu Pai, Te agradeço por este novo dia".

5.  Viva com os 3 "E": Energia, Entusiasmo e Empatia.

6.  Participe de mais brincadeiras do que no ano passado.

7.  Sorria mais vezes do que o ano passado.

8. Olhe para o céu pelo menos uma vez por dia e sinta a majestade do mundo que rodeia você.

9.  Sonhe mais, estando acordado.

10. Coma mais alimentos que crescem nas árvores e nas plantas, e menos alimentos industrializados.

11. Coma nozes e frutas silvestres. Tome chá verde, muita água e um cálice de vinho ao dia. Cuide de brindar sempre por alguma das muitas coisas belas que existem em sua vida e, se possível, faça em companhia de quem você ama.

12.  Faça rir pelo menos 3 pessoas por dia.

13. Elimine a desordem de sua casa, seu carro e seu escritório. Deixe que uma nova energia flua em sua vida.

14. Não gaste seu precioso tempo em fofocas, coisas do passado, pensamentos negativos ou coisas fora de seu controle. Melhor investir sua energia no positivo do presente.

15. Tome nota: a vida é uma escola e você está aqui para aprender. Os problemas são lições passageiras, o que você aprende com eles é o que fica.

16. Tome o café da manhã como um rei, almoce como um príncipe e jante como um mendigo.

17.  Sorria mais.

18.  Não deixe passar a oportunidade de abraçar quem você ama. Um abraço!

19.   A vida é muito curta para você desperdiçar o tempo odiando alguém.

20.  Não se leve tão a sério. Ninguém faz isto.

21.   Não precisa ganhar cada discussão. Aceite a perda e aprenda com o outro.

22.  Fique em paz com o seu passado para não estragar o seu presente.

23. Não compare sua vida com a dos outros. Você não sabe como foi o caminho que eles tiveram que trilhar na vida.

24. Ninguém está tomando conta da sua felicidade a não ser você mesmo.

25. Lembre que você não tem o controle dos acontecimentos, mas sim do que você faz deles.

26. Aprenda algo novo cada dia.

27. O que os outros pensam de você não é de sua conta.

28. Ajude sempre os outros. O que você semeia hoje, colherá amanhã.

29. Não importa se a situação é boa ou ruim, ela mudará.

30. O seu trabalho não cuidará de você quando você estiver doente. Seus amigos sim. Mantenha contato com seus amigos.

31. Descarte qualquer coisa que não for útil, bonita ou divertida.

32. A inveja é uma perda de tempo. Você já tem o que você precisa.

33. O melhor está ainda por vir.

34.  Não importa como você se sente: levante, vista e participe.

35.  Ame sempre com todo o seu ser.

36. Telefone para seus parentes frequentemente e mande e-mails dizendo: Oi, estou com saudades de vocês!

37. Cada noite, antes de deitar, agradeça a Deus por mais um dia vivido.

38. Lembre que você está muito abençoado para estar estressado.

39. Desfrute da viagem da vida. Você só tem uma oportunidade, tire dela o maior proveito.

40. A vida é bela. Desfrute dela enquanto pode.
      Deus abençõe a todos nós!


Obrigada amigas queridas pelos Lindos Selinhos!!

Comente aqui...

terça-feira, 22 de março de 2011

A gente não sabe o que vai ser do nosso futuro

Para refletir...

A inquietação da adolescência é dolorosa. A gente não sabe o que vai ser do nosso futuro. Não sabe nem como vai ser nosso corpo. A gente só sabe que vai ter um futuro e que ele é muito maior do que todo o nosso passado multiplicado algumas vezes.

A inquietação dos vinte anos é deliciosa. Produtiva ou não, louca ou não, tudo é festa. Ou acaba em pizza, ou em sexo, ou em ambos. Ter vinte anos é uma benção. E, de certa forma, a gente sabe disso na ocasião.

Os trinta anos trazem inquietações contundentes. Já estamos vivendo o futuro, somos sexualmente ativos, temos trabalhos e amores. Mas as perguntas são outras. São sobre os rumos e resultados. Será que o relacionamento vai dar certo? Vamos ter filhos? Estou na carreira que eu queria? Será que devo mudar tudo? Começar outra coisa? Dá tempo?

Enquanto nutrimos nossas inquietações humanas, ora em linha reta, ora em círculos, ora perdidos, o tempo vai passando. Chega-se rapidamente aos 40, mesmo que você não acompanhe no espelho a chegada das suas rugas.

Os quarenta anos marcam o meio do caminho, como na frase do Inferno de Dante: no meio do caminho de minha vida...

Sim, porque, o esperado é viver até os 90. A analogia da partida de futebol. Até 45 estamos no primeiro tempo. Tem muito jogo ainda.

O problema é que a gente não sabe quando o Juiz vai apitar ou vai nos expulsar de campo. Pode ser a qualquer hora, com ou sem falta, com ou sem pênalti.
Não falo isso com amargura, mas com a certeza de que temos que ser o melhor possível hoje. Todo dia. Agora. Sempre.

Hoje, li uma frase sábia do Walter Longo - a gente não pede pra nascer e morre sem querer. Por isso, temos que aproveitar bem o intervalo entre as duas coisas.

Estou aqui, no trabalho, pensando nisso, escrevendo, esperando, pensando, ligando, vendo coisas domésticas, resolvendo questões de trabalho. Mas sempre ligada no fato de que tudo isso que aqui está é passageiro, efêmero, como eu. E que pode acabar num sopro.

Por isso, vamos respirar profunda e lentamente. Aproveitando esse dom que é viver e absorver o ar. Foi assim quando chegamos ao mundo. E vimos a luz. E respiramos o ar.

Rosana Hermann

"Divirtam-se. É mais tarde do que vocês pensam."
Comente aqui...

domingo, 20 de março de 2011

Dia do Blogueiro!

Muitos Selinhos recebidos dos amigos Blogueiros!!!
Obrigada de coração!!!
Anninha parabéns pelas 54 Mil Visitas no Blog
Palavras Soltas! Deus te abençoe!
Te ofereço um Mimo com muito carinho!

Verinha, ofereço esse Mimo com muito carinho
pela conquista de 5 Mil Visitas no Blog
Meu Cantinho Pet! Parabéns!!!

Comente aqui...

Comemoração dupla... Obaaaa!!!

20 de Março - Dia do Blogueiro


Como é bom comemorar duas vezes... Hoje dia 20 de março é o Dia do Blogueiro e como uma BLOGUEIRA estou feliz em ter um Dia Especial. Mais especial ficou o Dia de Hoje ao acessar meu Cantinho e me deparar com mais uma conquista... 33 Mil Visitas no Eterno Aprendiz!!!
Parabéns a todos os BLOGUEIROS que utilizam o espaço dos Blogs para compartilharem as coisas boas: suas artes, suas poesias, seus textos, seus conhecimentos, enfim tudo de bom que torna a nossa vida mais leve, mais agradável, mais construtiva... Claro, também aqueles que utilizam o espaço como terapia e acaba de alguma forma ajudando a tanta gente.
PARABÉNS PELO DIA DE HOJE!!!!!

ORAÇÃO DO BLOGUEIRO

"Blog nosso que estais no ar
Muito visitado seja esse blog
Venha a nós novos visitantes
Esteja no ar o editor do blog
Assim de manhã como de noite
A criatividade de cada dia nos dai hoje
Perdoai a nossa preguiça
Assim quando nós copiamos 
e a quem nos tem copiado
E não nos deixei desanimar de ser blogueiro
Mas livrai-nos dos vírus."


Obrigada a todos os amigos e visitantes que fazem parte de mais uma conquista!!!
33 Mil acessos no Eterno Aprendiz!! Isso me deixa muito feliz e aumenta o meu compromisso. Sempre que por algum motivo deixo de atualizar o Blog, penso logo em vocês e me encho de forças. Não dá para desprezar tudo que já conquistei aqui, em especial as amizades que mesmo virtuais são muito “reais”.
Hoje tenho dois Selinhos Especiais e os ofereço com muito carinho para todos 
vocês amigos seguidores e visitantes.





Comente aqui...
 
Créditos Template http://cantinhodoblogger.blogspot.com/ By Cris Duarte/março de 2010